“Já que…”

O terror da reeducação alimentar, da mudança de estilo de vida, do peso perdido e mantido tem nome e sobrenome:

Já Que! 

⏩ Você conhece?

Funciona assim:
⏩ Já que eu vou comer pizza, vou tomar cerveja também. .
⏩ Já que ontem comi pizza e tomei cerveja nem vou fazer meu café da manhã. Chegando no serviço como alguma coisa. .
⏩ Já que não tô fazendo nada direito nem vou fazer atividade física! 🤦🏻‍♀️

E aí? Você conhece o Já Que?

Queridos! Exceções são completamente normais! Fuja dessa ideia besta do 8 ou 80!

Uma exceção isolada não atrapalha absolutamente nada. Enquanto que alguns dias de exceção sim, atrapalham bastante! Sua saúde, resultados e a sua motivação!

Chocolate

Quando eu pergunto no consultório sobre chocolate, a maioria – assim como eu – diz que AMA! Porém… frequentemente ocorre um exagero no consumo!
⏩É o seu caso também?


Lê e aplica essas dicas pra aproveitar o seu chocolate sem prejuízo:
✔️ Comece escolhendo um bom chocolate: 70% ou mais de cacau e com ingredientes mais simples. Nada de muitos aditivos e nomes estranhos.
Geralmente as melhores opções (em qualidade e sabor) vamos encontrar em lojas de produtos naturais.
Se o 70% ainda é amargo demais pra você, começa com as versões 50% cacau e vai aumentando… questão de adaptar o paladar!
✔️ Pratique o Mindful eating (já falei sobre esse tema aqui e tem vídeo no meu canal também… se você sofre com compulsão: assista!).

Ou seja: coma com bastante calma, realmente degustando e sentindo o sabor de cada pedacinho que coloca na boca.
Quem já “detonou” uma barra de chocolate inteira de uma vez sabe muito bem que essa barra não foi “curtida” né? Foi comida com pressa!
Aí além de exagerar na quantidade não houve aquele aproveitamento bom do chocolate, só com sensação boa e sem sentimentos de culpa e arrependimento. Entende a diferença?

✔️ E não menos importante: Se conheça! Se pra você é um hábito saudável e gostoso ter um belisco de um bom chocolate amargo início ou meio da tarde (como é por aqui) tá tudo ótimo! O chocolate amargo traz inclusive uma série de benefícios à saúde!

Mas… se você fica “agoniado” por ter chocolate, não sossega até acabar, fica pegando mais, mais um pouquinho, mais um pouquinho… Talvez seja melhor não ter! 🙈
Isso não quer dizer que você não vai consumir nunca. Mas não tendo conseguimos segurar o chocolate (ou outro doce) para os momentos de convívio social.

⏩ E por aí? Rola muito excesso de chocolate? Qual o seu preferido?
▶️ Compartilha com a gente também se tiver alguma dica pra não exagerar! 😬

Antioxidantes

Ontem falei sobre a relação entre alimentação e acne e os principais alimentos causadores!

 Por outro lado, sabe uma boa forma de prevenir?
E não apenas prevenir acne, mas prevenir envelhecimento precoce e doenças bem mais sérias como diabetes, parkinson, Alzheimer…?

 Investir em alimentos com ação antioxidante!

Sim, frutas e saladas não são apenas uma fibra que tá ali pra te dar saciedade e ajudar a emagrecer!
Não adianta comer uma folhinha de alface e achar que tá ótimo!

Pra gente realmente ter o benefício de ação antioxidante e o teor de vitaminas e minerais desses alimentos devemos ter como objetivo comer uma bela porção de saladas/legumes (cerca de meio prato) diariamente no almoço e no jantar e ainda garantir cerca de 2 a 4 porções de frutas ao longo do dia!

✔️Quanto mais colorido melhor!
✔️Quanto mais variado melhor!
✔️ Quanto mais orgânicos melhor!

 Me conta: pra você esse nível e frequência de consumo de frutas e vegetais é fácil ou difícil?

Legumes assados

Ontem eu gravei um vídeo pra ajudar quem não ama saladas a aprender a amar. 😅
Se você não viu, eu falei um pouco sobre temperos, molhos, combinações e… persistência!

Mas outra dica super importante é mudar a forma de preparo! Abóbora pode ser cozida. Mas pode ser refogada com alho e temperos verdes. Pode virar purê. Pode ser assada! E etc etc…

São tantas formas de experimentar um mesmo alimento! A gente fala muito isso em relação às crianças… mas vale pros grandinhos também! 😝

O legumes assados são uma estratégia super legal. Porque quando cozinhamos na água existe uma certa perda de sabor. Assado é o contrário. O vegetal desidrata. O sabor concentra!

O vegetal assado traz ainda vantagem nutricional! Isso porque com o cozimento na água há perda não apenas de sabor, mas também de nutrientes para essa água. Assado não, conseguimos uma boa manutenção!

Hoje fiz esses 3 aí no meu almoço: batata doce, abóbora moranga e chuchu. Todos orgânicos. Temperei com azeite, sal, curry e alecrim.
Podes usar os vegetais que tens aí e os temperos da tua preferência!  Que tal provar? 😉

Como aprender a comer saladas?

Já atendi MUITAS pessoas falando que acham lindo ver as pessoas que amam saladas, que fazem um prato super lindo e colorido e comem no maior gosto… mas que esse não é o caso delas!
Você se identifica? hehe
Se for o seu caso vem ver o vídeo que gravei pra você! Depois me conta se as dicas te ajudaram a aprender de vez a comer mais saladas!

Álcool na Amamentação

Tema polêmico à vista! Vamos falar de evidências e não de achismos? Afinal, pode álcool na amamentação?

De acordo com o Dr Carlos Gonzáles (pediatra que é uma das maiores autoridades em Amamentação), após o consumo de álcool, a mulher terá uma quantidade similar de álcool presente no sangue também no leite materno. Certo? Até porque é através do sangue que o álcool chega no leite materno.

No Brasil uma bebida é considerada não alcoólica quando possui menos de 0,5% de álcool.

Uma mãe que bebe 60ml de vodka (que tem 40% de álcool) terá um nível de álcool no sangue de cerca de 0,02%!
Isso falando de vodka. Uma cerveja tem cerca de 6% e o vinho cerca de 12% de álcool.

Portanto, uma mãe bebendo com moderação terá uma concentração de álcool no sangue e no leite de cerca de 0,05%: ainda bem abaixo do 0,5% da bebida não alcoólica!

Isso significa que quem amamenta pode beber como se não houvesse amanhã?

Não! Significa que uma mãe que amamenta pode, quando desejar, beber com moderação uma cerveja, um vinho ou um drink.

Ainda assim a recomendação é de aguardar o bebê completar pelo menos 3 meses de vida. E, se possível, aproveitar para beber um drink após a mamada, tentando dar algum intervalo (novamente: se possível!).

Sem peso na consciência. Sem preocupação se vai fazer mal para o bebê. Sem precisar abdicar de mais alguma coisa para ser mãe e amamentar. Com informação!

Quanto ao excesso: nesse caso, cuidado! Pode reduzir a produção e ejeção do leite materno.

Moderação é a palavra chave. Ok?

PS: marca uma mãe que amamenta. Informação é poder! 😉😘

Organização na Alimentação

Vejo diariamente muitas pessoas complicando o simples.

Comer saudável não precisa ser um cozinhar todos os dias milhões de coisas ou pagar super caro por pós e cápsulas importados.

Com alguma dose de organização na alimentação o processo se torna bem mais simples do que parece.

Por exemplo:
✔️ Fazer feira 1x/semana, higienizar tudo e deixar prontinho na geladeira. Se você já tem por exemplo 2 folhosos e tomate cereja, já tem alguma variedade pronta. Pode ainda adicionar um pepino ou rabanete (só cortar) ou cenoura ou beterraba (só ralar) ou – no ápice da disposição – refogar algo ou assar para dar um up nessa saladinha básica.

✔️ Cozinhou a mais? (O que eu sempre indico!) De modo geral vai ficar bom por uns 3 dias na geladeira ou 3 meses no freezer.

✔️ Algumas opções podem ainda ser congeladas cruas e ir direto do freezer pro forno. Ex: quibes, almôndegas e pães de queijo. Mais fresquinho ainda!

✔️ Sai cedo e é a maior correria lembrar de carregar alguma coisa pra comer? Organiza um dia antes! A noite pensa no que vai levar no dia seguinte e já separa tudo em 5 minutinhos.

 Juro que acredito que manter uma alimentação saudável é 20% motivação e 80% organização!

E por aí, qual a dica de organização mais te ajuda?