Menos é mais!

Já ouviu falar que menos é mais?Aquele café da manhã básico, delicioso e que funciona! 😍

aipim
 Na época dos nossos avós o trigo era item raro, já que era caro e difícil de encontrar. Então substituir o pãozinho por batata doce, inhame ou aipim da horta era super comum!
👉 Taí um hábito delicioso e cheio de vantagens, já que essas raízes são fontes principalmente de amido resistente, apresentando um índice glicêmico médio e contribuindo bastante na saciedade! 🔝 Além disso, evitamos muitas porcarias comumente presentes no pãozinho pronto. 
Já essa combinação com o ovo não era tão comum antigamente… já que o ovo era considerado um super vilão.  Mas que bom que podemos nos atualizar e aprender com os erros do passado né! 😘

Glúten

Hoje vim falar sobre o tão polêmico e tão frequentemente odiado GLÚTEN!
Será que precisa mesmo excluir?
Só precisa excluir quem tem doença celíaca?
Ou é possível apresentar sintomas de sensibilidade a esse componente mesmo sem o diagnóstico de doença?
Esclareça no vídeo da semana essas dúvidas e compartilha a informação com quem possa precisar! 

Pão integral

O tema do vídeo dessa semana é dúvida constante no consultório: Afinal, como escolher um bom pão integral? Será que ele existe mesmo?

E mais: precisa ser sem glúten? Confere essas e outras respostas aqui!

Vídeo

Retirar o glúten da alimentação emagrece?

Recebi essa dúvida polêmica de uma seguidora e nesse vídeo respondo: Afinal, retirar o trigo e substituir por outras farinhas como de arroz ou fécula de batata ajuda a emagrecer?

Aveia: benefícios e diferenças

aveia

Meus pacientes sabem que gosto muito e sempre incentivo o consumo da aveia!

Sabia que a aveia é considerada um alimento funcional, pelos seus diversos benefícios à saúde?

Ela é fonte de fibras, com destaque para as betaglucanas, responsáveis pela maior parte dos seus benefícios.
Possui ação na digestão, tornando o esvaziamento gástrico mais lento e promovendo mais saciedade.
Essa fibra auxilia ainda na formação da massa fecal, auxiliando no bom funcionamento do intestino e mesmo prevenindo câncer de cólon.

Outras ações de destaque são a capacidade da aveia no controle glicêmico, auxiliando a prevenir e controlar diabetes, reduzir níveis de colesterol e prevenção de doenças cardiovasculares.

Seus níveis de vitaminas do complexo B, magnésio e silício ajudam ainda no fornecimento de energia, prevenção de depressão e traz benefícios estéticos, especialmente para pele e cabelos.

E qual a diferença entre os tipos de aveia❓

👉A diferença está no processamento.
A farinha de aveia é obtida da parte mais interna do grão, possuindo, assim, menos fibras e tendo um índice glicêmico maior.
Os flocos inteiros da aveia são prensados do grão inteiro, conservando seus nutrientes e tem nível intermediário de fibras.
O farelo de aveia, por sua vez, é a opção com maior concentração de fibras por usar a parte externa do grão.
A aveia é bastante versátil, podendo ser usada em cima de frutas, vitaminas, em bolos, biscoitos, mingau, etc.

E o glúten❓
A aveia naturalmente não tem glúten! Mas costuma sofrer contaminação cruzada na plantação ou no processamento pelo trigo. A quantidade de glúten é mínima, não justificando a sua exclusão, a não ser para quem é celíaco, sendo possível nesse caso optar pela versão sem glúten.

Bolinhos de atum

Mais prática impossível!
Receitinha pro jantar daqueles dias em que a disposição para a cozinha é mínima ou nula! 😉

bolinhos de atum

Ingredientes:
– 1 lata de atum em óleo (escorrer bem)
– 2/3 xícara de aveia em flocos (substituir pela versão sem glúten se for intolerante)
– 1/2 cebola
– 1 tomate pequeno
– 1 dente de alho grande
– Sal marinho ou do himalaia (pouco – o atum já é salgado)
– Salsinha e/ou cebolinha – a gosto
– Pimenta (opcional)

Modo de Preparo
– Misture os ingredientes em uma travessa. Faça os bolinhos. Leve ao forno médio (pré-aquecido) até que fiquem dourados (tempo médio 20 minutos).