Óleo de cártamo

Recebi esses dias um pedido para falar sobre óleo de cártamo. Você já utilizou?

Ele não é novo! Surgiu lá por 2009 prometendo acelerar o metabolismo, reduzir o apetite, auxiliar na queima de gordura corporal, controlar colesterol e reduzir celulite.
Ou seja: praticamente a cura de todos os males né! Quem não quer? 😍😂

Só que não né povo! Quando o milagre é muito o Santo desconfia! Foi muita promessa e pouca comprovação!
Ainda há bastante controvérsia nos resultados encontrados!

Ah nutri… mas se não faz bem, não também não faz né!

Esquece essa frase! Um monte de coisa “natural” pode fazer mal sim.
O óleo de cártamo é fonte de Ômega 6. Um tipo de gordura essencial, mas que já costumamos consumir em grande quantidade e cujo excesso se associa a inflamação subclínica.

E na hora de acreditar na próxima pílula mágica do emagrecimento: ela não existe!
Ou melhor: existe! Dentro de você! 😉😘

Por que não ganho massa magra?

Você malha… mas o ganho de massa magra que é bom tá difícil?
Vem que eu te explico as 4 principais causas para essa dificuldade!

Desodorante natural

A dica pode parecer que não tem nada a ver com Nutrição ou com saúde. Mas deixa eu te explicar e você vai entender!

Alumínio é um metal pesado. Quando nosso corpo tem concentrações elevadas de alumínio teremos impactos negativos para a saúde, como alterações cognitivas, risco maior de desenvolver Alzheimer e menor absorção de nutrientes importantes como ferro e cálcio.

O problema é que temos muito contato com alumínio: panelas, alimentos enlatados, fermentos e também em desodorantes.

Ana, é pra viver numa bolha? 🙈

Nada disso! Mas a medida que conhecemos… podemos começar a fazer algumas mudanças.

Por exemplo:
✔️ Ir aos poucos substituindo as panelas de alumínio por versões de inox ajuda muito!
✔️ Ao consumir enlatados como atum ou sardinha opte pela versão em óleo. O alumínio da lata tende a se concentrar nesse óleo (que você deve eliminar) e deixar o peixe com quantidades bem reduzidas.
✔️ Fermento dá pra fazer caseiro (ainda não testei também!) ou adquirir versões sem alumínio (já testei! Preciso comprar novamente e mostrar pra vocês!)
✔️ E… a imagem desse post: substituir o desodorante tradicional por versões sem alumínio (existem marcas prontas) ou fazer a sua versão caseira com leite de magnésia. Super funciona! E é super barato! Aproveita a embalagem do desodorante tradicional e coloca o leite de magnesia no lugar – só isso! Ou se quiser dar um cheirinho acrescenta umas gotas de óleo essencial (eu prefiro!)
Mesmo que você desconfie e não queira usar sempre… reduzir o uso do desodorante tradicional já tá super valendo. 😉

 Alguém usa ou já testou? Conta pra gente se curte ou não!

Caldo de legumes

Sexta fizemos caldo de legumes caseiro para preparar um risoto. Perguntei no stories e a maioria de vocês disse que nunca fez um caldo de legumes.

Vou dizer que vale a pena viu? Um bom caldo de legumes faz toda a diferença no sabor de pratos como risotos, legumes cozidos, molhos e sopas. É também conhecido como “fundo”, por dar esse fundo saboroso às preparações! 😍

O preparo é bem simples, mas não tão rápido! Por isso é legal preparar em quantidades grandes e ter no freezer congelado!

Você vai precisar de:
✔️ 1 cenoura
✔️ 2 cebolas
✔️ 3 talos de salsão
✔️ Ramo de alecrim ou tomilho
✔️ Talos de salsa ou coentro
✔️ 1 colher de chá de sal (opcional)
✔️ 3l de água

 Pique tudo. Coloque na água e leve ao fogo até levantar fervura. Baixe o fogo e deixe apurar por cerca de 1 hora. Coe e utilize o caldo ou armazene.
Na geladeira você pode utilizar por 3 dias e no freezer por até 3 meses. 😉

 

Qual seu número?

Esses dias fui comprar blusinhas e saí da loja com duas: uma tamanho P e outra tamanho G.

O que isso quer dizer?
Quer dizer que o padrão de medidas no Brasil é uma bagunça! Sobre mim: não quer dizer absolutamente nada!

E por aí? Você tem andado em busca de algum tamanho? Algum número específico na balança ou medida exata de calça jeans?

Se você respondeu que sim… tudo bem! Não tem nada de errado nisso!

Desde que:
1) Você não deposite nessa medida a responsabilidade de te trazer felicidade. Ela não trará!

2) Essa seja uma meta possível.

E como saber se é possível? Se você já teve esse peso/medida e a circunstância é parecida é possível.
Não vale o peso de quando era atleta aos 15 anos e hoje tem 50 e é sedentário! 😝
Também não vale o peso/corpo da Gisele Bündchen.
Busque uma melhor versão de você mesmo!

3) Você se divirta no caminho! 😉

Um ótimo final de semana queridos! 😘

Suco: como escolher?

Hoje é dia de responder mais uma dúvida que recebi aqui!

Quero responder sobre como escolher sucos quando não conseguimos fazer o natural! Quais são saudáveis? Integral, polpa, suco prensado a frio, néctar? 😱 Tantas opções! Qual a diferença? 🤔

Vamos começar entendendo:

 Sucos integrais devem conter apenas a fruta! Sem adição de água, açúcar ou outros aditivos. Os mais comuns são: uva, laranja e maçã.
 Polpas de fruta por regra devem conter apenas a fruta também. Ou fruta e água.
 E suco prensado a frio? Essa opção se tornou mais comum recentemente. A ideia nesse caso é não liquidificar as frutas e sim utilizar um método de prensagem, um “amassamento” de frutas e vegetais.
 Existem ainda os sucos de caixinha. A proporção muda bastante de acordo com a marca. Mas costuma conter cerca de 50% de fruta e a outra metade será composta por água, açúcar, corantes e conservantes;
 O néctar, apesar de ter um nome que lembra algo super bom (né? 😝) é na verdade composto por 20 a 50% de fruta. O restante é água e açúcar (dentre outras coisitas!). 🙄
 E o suco em pó? Aí mesmo que piorou. Geralmente vai ter no máximo 5% de fruta. Sendo boa parte do restante açúcar e complementado com corantes, conservantes, etc. 😖

Ou seja: se não for beber o natural feito em casa priorize sucos integrais, de polpa ou prensados a frio. Especialmente os de polpa e os prensados tendem preservar bem os nutrientes (exceção sempre à vitamina C, que se perde facilmente e que muitas vezes é adicionada artificialmente). As fibras são também bastante perdidas nesse processo.

Por isso: suco natural é sempre melhor e mesmo comer a fruta in natura ao invés de beber seu suco também traz vantagens, como consumo de menor quantidade de frutas de uma só vez e aproveitamento total das vitaminas e fibras da fruta.

Mas como sempre na Nutrição: não existe resposta igual para todos. Indicação de melhores tipos/horários/quantidade de sucos irá variar de acordo com teus objetivos, rotina e necessidades.

E por aí? Você, tem o hábito de beber sucos? Quais tipos? 😉

Como fazer o coco durar mais?

Você gosta de coco mas evita comer porque estraga muito rápido?

Tenho uma dica legal pra te dar! 🤗

Assim que partir o coco armazene ele picado em um pote de vidro coberto com água! Eu gosto de usar a própria água dele e se necessário complemento com água mineral (ou filtrada).

Isso faz com que ele fique novinho por 1 semana na geladeira (ao invés de apenas uns 2 dias que é o que dura quando fica sem água).

Se for utilizar ele de outras formas – em batidas ou para fazer leite de coco por exemplo – vale também congelar. Para comer puro não fica tãão bom. A consistência fica diferente.

E aí? Você costuma armazenar assim também? 😉

Açúcar antes dos 2 anos?

Hoje vou contar algo não politicamente (ou nutricionalmente mesmo 🤔) correto e que pouca gente sabe: Eu já dei açúcar pra minha filha!
Sim, antes dos dois anos, que é a recomendação oficial da OMS (Organização Mundial da Saúde)!

Não quero falar mal das recomendações oficiais e nem te incentivar a dar açúcar pro teu filho que tem menos de 2 anos. Só te fazer pensar e compartilhar um pouco do que acredito.

Acredito muito na seguinte frase: “O exemplo não é uma forma de ensinar. É a única!” 🙏

Não me vejo dando fruta pra ela e me acabando no chocolate branco. 😂Por isso, procuro – o máximo possível, claro -manter uma alimentação legal pra que a alimentação dela seja a alimentação da família (que, aliás, é a recomendação a partir de 1 ano).

Sendo assim, rolam exceções com açúcar na alimentação da família e, consequentemente, algumas dessas vezes também na alimentação dela: já teve sorvete artesanal, bolo de festa e, com mais frequência, chocolate 70% cacau e bolinhos integrais com açúcar mascavo ou de coco. Que eu também como mais. Pra ela sempre porções bem pequenas. 😝😂

E ela PRECISAVA comer essas coisas? Não. Mas faz mal dar isso tão eventualmente? Eu penso que Não! Apesar de ela estar em fase de formação de paladar, ela não tem acesso a esses alimentos no dia a dia. Portanto a rotina segue: frutas, ovo, iogurte natural com fruta, legumes, arroz, feijão… e leite materno são a base por aqui.

Já vi TANTOS casos em que dar um pedacinho de chocolate ou bolo era um super tabu mas a “bolacha da vaquinha” era normal! 🙈 Você também deve conhecer!

 Portanto:
Leia a lista de ingredientes, ofereça alimentos diferentes, priorize os alimentos in natura, continue oferecendo de outras formas as frutas e verduras que seu filho rejeita… mas, não surte com exceções.
Seu filho vai comer o que estiver disponível para ele comer! Foque – continuamente – nos bons hábitos da família! 🙏😘

 Me conta: você concorda comigo ou discorda? 😉

Efeito platô

Já ouviu falar em efeito platô? Ou pior… já sentiu na pele esse efeito?

Chamamos de efeito platô quando começamos a emagrecer, continuamos mantendo o controle alimentar mas mesmo assim… a perda de peso não evolui. Estaciona! Gravei um vídeo pra te explicar as causas desse efeito e o que fazer para retomar a perda de peso! 

Sementes de abóbora

Você joga as sementes de abóbora fora?

Pois não deveria!

São fontes de fibras, gordura boa, proteína, fontes de cálcio, zinco, potássio, vitaminas do complexo B, tem potente ação antiinflamatória e há muitos anos são conhecidas como vermífugos naturais!

Além disso: rendem um petisco super gostoso! 😋
Pra isso basta torrar as sementes secas e temperadas (sugiro azeite, pouco sal, curry e pimenta caiena) na frigideira antiaderente ou no forno (em temperatura alta até dourar – bem rapidinho!).

Outra opção ainda é utilizar as sementes torradas na forma de farinha! Nesse caso após torrar você liquidifica!

Aliás, essa dica da farinha tem tudo a ver com o post de ontem… nem só de farinha de amêndoas vivem receitas low carb. Que tal usar farinha de semente de abóbora e baratear bastante sua receita? 😉😘